No sistema também constam como indeferidas as candidaturas dos suplentes Alexandre Santiago (PT) e Jeová Campos(PT).

O motivo da situação é “abuso de poder (LC 64/90), conforme apurou o ClickPB em consulta no início desta segunda-feira (12). (Foto: Walla Santos)

 

A candidatura de Ricardo Coutinho ao senado consta como indeferida na página “Divulgacandconstas”, sistema responsável pela divulgação das candidaturas registradas em todo o Brasil para as Eleições de 2022.

O motivo da situação é “abuso de poder (LC 64/90), conforme apurou o ClickPB em consulta no início desta segunda-feira (12). A atualização na situação da candidatura da chapa ao senado dos filiados ao PT da Paraíba ocorre após o julgamento realizado na última sexta-feira no Tribunal Regional Eleitoral da Paraíba (TRE-PB).

No sistema também constam como indeferidas as candidaturas dos suplentes Alexandre Santiago (PT) e Jeová Campos(PT).

Durante sessão do TRE, o registro de candidatura de Coutinho foi indeferido. A decisão foi tomada por unanimidade pela Corte Eleitoral em harmonia com o parecer do Ministério Público. Com a definição do TRE-PB em negar o registro de candidatura, a postulação de Ricardo Coutinho ao Senado fica inviabilizada. No entanto, a defesa do ex-governador deverá recorrer em outras instâncias.