Portal de notícias Paladino da Verdade - Notícias do Brasil e do Mundo

Início » Destaque » Ex-prefeita é condenada por não concluir construção de unidades habitacionais

Ex-prefeita é condenada por não concluir construção de unidades habitacionais

A ex-prefeita do município de Pedras de Fogo, Maria Clarice Ribeiro Borba foi condenada a ressarcir aos cofres públicos a quantia de R$ 71.778,66 por não executar integralmente o objeto do convênio nº 014/2010 firmado entre o Município de Pedras de Fogo e a Cehap.

De acordo com a denúncia, o convênio tinha por objetivo a compra de material para a construção de 86 unidades habitacionais no Município de Pedras de Fogo, no valor de R$ 129.258,00. A fiscalização apontou que o objeto total do convênio não foi atingido, tendo sido executado apenas o valor de R$ 82.640,52, equivalente a 63,93% do total contratado, restando, assim, um saldo remanescente, a ser devolvido ao órgão estadual concedente no valor atualizado de R$ 71.778,66. Também não teria havido a prestação de contas por parte da ex-gestora.

A ex-prefeita também deverá pagar multa civil no mesmo valor, além de ter os direitos políticos suspensos por quatro anos.

A decisão é do juiz Antônio Carneiro de Paiva Júnior nos autos da ação de improbidade administrativa.O processo foi julgado durante o Mutirão da Meta 4, do Conselho Nacional de Justiça (CNJ), no âmbito do Judiciário estadual.

Cabe recurso da decisão.