Portal de notícias Paladino da Verdade - Notícias do Brasil e do Mundo

Início » Destaque » Operação conjunta entre polícias da PB e PE prende dupla suspeita de aplicar golpe do “Bilhete Premiado”

Operação conjunta entre polícias da PB e PE prende dupla suspeita de aplicar golpe do “Bilhete Premiado”

O casal acusado de aplicar o golpe na Paraíba e em outros estados, foram presos em Sertânia, Pernambuco.

viatura de pc walla santos 12 - Operação conjunta entre polícias da PB e PE prende dupla suspeita de aplicar golpe do "Bilhete Premiado"

Duas pessoas foram presas nesta terça-feira (3), durante uma operação conjunta entre a Polícia Rodoviária Federal, a Polícia Civil de Pernambuco e o Grupo de Operações Policiais da Polícia Civil (GOE), de Campina Grande, suspeitos de aplicar o velho golpe do bilhete premiado. O casal é apontado como cabeça de um grupo que agia nos dois estados, foi preso em Sertânia, Pernambuco.

De acordo com informações, o casal Maria Rosângela Bezerra Teixeira, de 38 anos, conhecida como branquinha, natural de Caruaru-PE, e Bruno Daniel Alves Reis, de 26 anos, natural de São Caetano-PE, foram presos.

Ainda de acordo com informações, a polícia da Paraíba se deslocou até a cidade de Caruaru, em Pernambuco, com o objetivo de cumprir dois mandados de prisão preventiva contra os suspeitos. Mas ao chegar a cidade, descobriram que eles já haviam fugido, quando souberam da prisão de duas pessoas envolvidas no mesmo golpe, no mês de junho, em João Pessoa.

golpe bilhete premiado - Operação conjunta entre polícias da PB e PE prende dupla suspeita de aplicar golpe do "Bilhete Premiado"

Eles foram encaminhados para a Central de Polícia de Campina Grande, no bairro do Catolé, e vão ficar recolhidos na carceragem até a audiência de custódia, nesta quarta feira (4). A DDF pede para que as vítimas do golpe do ‘bilhete premiado’ procurem as Delegacias de Defraudações e Falsificações de Campina Grande ou de João Pessoa.

golpe bilhete premiado i - Operação conjunta entre polícias da PB e PE prende dupla suspeita de aplicar golpe do "Bilhete Premiado"

A delegada responsável Vanderleia Gadi, da delegacia de defraudações, a organização é composta por oitos pessoas, das quais quatro já foram presas e as demais já foram identificadas. Gadi também informou que já existem 30 inquéritos abertos na delegacia, possivelmente relacionados ao caso. De acordo com as investigações, que duraram cerca de um ano e meio, o grupo atua também em outros estados.

No dia 19 de junho 2018, a Delegacia de Defraudações e Falsificações (DDF) de João Pessoa prendeu em flagrante Ricardo Bezerra Teixeira, 37 anos. Ele é irmão de Maria Rosangela.

Golpe do ‘bilhete premiado’     
O golpe do “bilhete premiado” é feito, normalmente, por uma pessoa aparentemente simples, humilde e analfabeta. As principais vítimas são mulheres idosas que são abordadas com um pedido de ajuda. O suspeito informa que precisa localizar algum endereço para poder receber um bilhete premiado e, em seguida, oferece uma proposta de gratificação pela ajuda.

A partir desse momento, a vítima acredita que receberia a gratificação e acaba aceitando a proposta do suspeito. Geralmente, outra pessoa também está envolvida no golpe, para fazer a vítima acreditar que estão falando a verdade.