Portal de notícias Paladino da Verdade - Notícias do Brasil e do Mundo

banner sem rabo preso
Início » Paraíba » Samu-JP alerta para prioridade aos veículos de urgência no trânsito

Samu-JP alerta para prioridade aos veículos de urgência no trânsito

Quando o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) recebe um chamado, todo o tempo gasto até chegar a vítima é importante uma vez que influencia diretamente no socorro prestado. Por isso, o serviço alerta aos motoristas sobre a prioridade que os veículos de urgência possuem no trânsito.

De acordo com o artigo 29, inciso VII, do Código de Trânsito Brasileiro (CTB), veículos em serviço de urgência possuem prioridade de passagem desde que devidamente identificados por dispositivos regulamentares de alarme sonoro e iluminação vermelha intermitentes.  Além das ambulâncias também estão classificados como veículos de emergência, segundo o CTB, carro do Corpo de Bombeiros, de polícia, de fiscalização e operação de trânsito.

“O serviço de urgência trabalha com tempo resposta, que é primordial ao paciente que está lá na ponta, seja um acidentado ou um paciente em parada cardiorrespiratória. Nesses casos, sete minutos de atraso para o atendimento pode acarretar em dano cerebral irreversível e um tempo maior é capaz até de causar uma morte encefálica”, explica o técnico do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência de João Pessoa (Samu-JP), Allyson Adriano.

O condutor que deixa de dar passagem aos veículos de emergência comete infração de trânsito de acordo com o artigo 189 do CTB, de natureza gravíssima, sujeito à multa de R$ 191,54 e sete pontos na CNH. Também cometerá infração o condutor que conceder a passagem, mas quiser se aproveitar do espaço deixado pelo veículo de emergência para seguir atrás dele. Nesse caso a infração, segundo o art 190, é de natureza grave e multa de R$ 127,69 e cinco pontos.

“É importante que os motoristas prestem maior atenção ao transito, tanto para evitar acidentes, quanto para colaborar com o trabalho dos serviços de socorro e assim que vejam a ambulância pedindo passagem que eles atendam e abram o caminho para que o veículo consiga passar e o tempo resposta do socorro seja favorável a vida do paciente”, comenta o técnico do Samu.