Com a alta de R$ 0,20, o litro da gasolina chegará a R$ 3,01 para as distribuidoras; novos valores começam a valer a partir desta terça
Gasolina, Diesel,
Postos anteciparam aumento da gasolina e diesel (Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil)

A Petrobras anunciou nesta segunda-feira (8) um aumento nos preços da gasolina e do gás de cozinha para as distribuidoras. Os novos valores começam a valer a partir desta terça (9). Com a alta de R$ 0,20, o litro da gasolina chegará a R$ 3,01. O diesel não teve reajuste.

O último reajuste da gasolina ocorreu em outubro de 2023, quando houve uma redução nos preços. Já o último aumento foi registrado em agosto do ano passado.

Em maio de 2023, a Petrobras anunciou uma nova estratégia comercial para a variação de preços do diesel e da gasolina. Com a decisão, a companhia abandonou a paridade internacional como base principal para os reajustes, política que estava em vigor desde 2016.

Na ocasião, a empresa afirmou que passaria a aplicar premissas que miram um “equilíbrio” entre os mercados nacional e internacional. A estatal ressaltou que a estratégia priorizava o “custo alternativo do cliente”, além de um valor marginal para a Petrobras.

Segundo a empresa, desde a implementação da nova estratégia comercial, a Petrobras reduziu os preços de venda para as distribuidoras em R$ 0,17 por litro.

Já o preço do GLP, o gás de cozinha, terá aumento de R$ 3,10, o equivalente a R$ 34,70 por botijão de 13kg. Os últimos reajustes ocorreram em maio e julho de 2023, duas reduções. Já o último aumento foi registrado em março de 2022.