O Supremo Tribunal Federal entendeu que a lei estadual que criou o benefício para ser pago aos governadores é inconstitucional e mandou suspender o pagamento de pensão aos ex-governadores da Paraíba.

Ainda assim, o ex-gestor Ricardo Coutinho (PSB) entrou com uma ação solicitando de volta o pagamento de sua pensão no valor de R$ 23 mil.

A denúncia foi feita pelo deputado federal, Ruy Carneiro (PSB), que disse que vai ficar de olho nesse processo por considerar a postura do ex-gestor lamentável.

Para o parlamentar, é chegado o momento de acabar com os privilégios políticos e usar o dinheiro público em prol de quem de fato precisa.

“Ainda estamos vivendo uma situação de pandemia. Muitas pessoas perderam seus empregos e outras não têm o que comer. No entanto, Ricardo quer fazer uso do dinheiro público mesmo depois de ter sido acusado de desviar milhões da Saúde. Um ex-governador que tem envolvimento com a corrupção, denunciado pela Polícia Federal na Operação Calvário e recentemente recebeu um recado das urnas”, destacou.

O deputado lembra ainda que é o autor da PEC que tramita no Congresso Nacional que tem como objetivo acabar com esse benefício em todo o Brasil. “Vamos continuar lutando pelo fim desse privilégio e estamos de olho, nesse caso em particular”, afirmou o presidente municipal do PSDB de João Pessoa.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *