A Fundação Cultural de João Pessoa (Funjope) realiza, nesta sexta (5) e sábado (6), mais uma edição do projeto ‘Rota das Letras’, que será dedicada à questão da literatura negra. A ideia faz parte de uma programação elaborada para o mês da Consciência Negra. O cenário será o Pavilhão do Chá e o evento começa às 9h.

“Esse projeto ganha um contorno todo especial porque estamos dedicando à literatura negra, à experiência da literatura dos escritores pretos e escritoras pretas de João Pessoa. Vamos fazer essa edição dedicada especialmente à literatura negra na nossa cidade”, enfatizou o diretor executivo da Funjope, Marcus Alves.

Quem passar pela Praça Venâncio Neiva, onde fica o Pavilhão, vai poder participar da oficina de capoeira com a Mestra Malu, às 9h30. Em seguida, às 10h30, haverá apresentação de dança Ofá – Mejí apresenta Odará.

O evento tem uma pausa ao meio-dia, retornando às 14h, com o debate literário ‘Literatura Afro-Brasileira’. A mediadora é a escritora Jeovânia Pinheiro, que faz parte do movimento negro. Os debatedores Dulce Edith Loss e Renato Bonfim são da Casa da Cultura e têm uma cartilha sobre a temática da consciência negra. Às 15h haverá o momento da poesia encenada, com o grupo ‘Navios Negreiros’, e o encerramento será às 15h30.

Para o sábado (6), a Mestra Malu realiza nova oficina de capoeira, às 9h. O grupo Raízes Parahyba leva cultura popular à praça. Às 11h, Pedro Índio Negro e Manu Lima apresentam um show animado até o meio dia, quando termina o evento.

  • Texto: Lucilene Meireles
    Edição: Cristina Cavalcante
    Fotografia: divulgação

  • Fonte: PMJP

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.